Notícias / Novo programa “Justiça Eleitoral Por Elas” busca ampliar participação feminina na política.

Novo programa “Justiça Eleitoral Por Elas” busca ampliar participação feminina na política.

 

Iniciativa lançada pelo presidente do TRE-PR, desembargador Coimbra de Moura, enfrenta a desigualdade de gênero no ambiente eleitoral.

 

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), desembargador Wellington Emanuel Coimbra de Moura, lançou o programa Justiça Eleitoral Por Elas. O objetivo é incentivar e ampliar a participação das mulheres na política, enfrentando a desigualdade de gênero.

 

“A maioria de nosso eleitorado é feminino. Mas isso não se reflete na representatividade que deveria ter. O Projeto Justiça Eleitoral Por Elas visa promover estratégias para um maior protagonismo político delas”, destacou o desembargador Coimbra de Moura.

 

O projeto será coordenado pela Dra. Luciani Tesseroli Maronezi, coordenadora-geral da Comissão das Mulheres do TRE-PR. Ela reforça a proposta do projeto de visar “a conscientização e valorização feminina, à frente de seu espaço em todos os segmentos da sociedade, notadamente com a efetiva participação na política e conquista do que lhe é seu por direito”.

 

A proposta também cria mecanismos e metodologias que possam assegurar a formação política de mulheres em todo o Paraná.

 

Participação política

 

“Representamos mais da metade da população brasileira, daí a importância da adoção de ações afirmativas no empoderamento feminino e combate às distorções históricas”, complementou Dra. Luciani.

 

As eleições gerais de 2018 registraram o maior aumento na participação política de mulheres desde que o direito delas ao voto foi implementado, em 1932. O total de cadeiras ocupadas por mulheres na Câmara e no Senado foi de 15%. Já nas eleições municipais de 2020, somente 12% das mulheres foram eleitas como prefeitas.

 

Reuniões

 

Duas reuniões vinculadas ao novo programa já foram realizadas. A primeira delas aconteceu na última quinta-feira (2) para conhecer o trabalho da Procuradoria da Mulher da Câmara Municipal de Curitiba, alinhando ações entre o Legislativo e a Justiça Eleitoral do Paraná.

 

Presenças (foto de capa): Dra. Luciani Tesseroli, coordenadora geral da Comissão das Mulheres do TRE-PR; Dr Josmar Ambrus, secretário da presidência; Claudia Afanio, coordenadora de Inovação e Sustentabilidade; vereadora Maria Leticia, procuradora da mulher da Câmara municipal de Curitiba; Gisele Alessandra Szmidt e Silva, Ilane Teixeira, Polliana Schiavon e André Almeida Machado, assessoras e assessor da vereadora.

 

Outra reunião, realizada na última sexta-feira (3), buscou o alinhamento das ações entre o TRE-PR e o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre a temática mulheres na política.

 

Presenças (foto abaixo): Dra. Luciani Tesseroli, coordenadora geral da comissão das mulheres do TRE-PR; Dr. Josmar Ambrus, secretário da presidência; Claudia Afanio, coordenadora de Inovação e Sustentabilidade; Julianna Sesconeto, coordenadora executiva da Comissão de Mulheres do TSE; e Bruno Andrade, secretário de modernização, gestão estratégica e socioambiental do TSE.

 

 

Texto: Isabela Miranda

Revisão: Melissa Medroni

Fotos: Divulgação

Tratamento de imagem: Natália Elena de Sousa

Secretaria de Comunicação: Marden Machado

SECOM/TRE-PR

 

 

Fonte: SECOM/TRE-PR

Data de Publicação: 13/06/2022